ga(\'set\', \'userId\', {{USER_ID}}); // Defina o ID de usuário usando o user_id conectado.

CenTev marca presença na 25ª Conferência Anprotec

Publicado em
O evento abordou inovações que oferecem à sociedade não apenas benefícios econômicos e produtivos, mas também ambientais e sociais. Na programação, diversas atividades exploraram a temática com a participação de especialistas e palestrantes do Brasil e do exterior.

Durante os dias 19 a 23 de outubro aconteceu em Cuiabá (MT) a 25ª Conferência Anprotec de Ambientes de Empreendedorismo e Inovação, um dos maiores eventos de empreendedorismo inovador do mundo. Com o tema “Ambientes de inovação mais sustentáveis: o empreendedor como protagonista da nova economia”, este ano o evento teve como realizadores a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com organização local da Arca Multincubadora, da Universidade Federal de Mato Grosso e do Governo do Estado de Mato Grosso.

Participaram da Conferência o prof. Sérgio de Paula, diretor executivo do Centro Tecnológico de Desenvolvimento Regional de Viçosa (CenTev); Edson Eduardo da Costa, gerente administrativo financeiro do CenTev; Laísse Nicácio, gerente de comunicação e marketing do CenTev; Flávia Carneiro, gerente de relações internacionais do Parque  Tecnológico de Viçosa (tecnoPARQ) e gerente do Innovation-Link (Escritório de Ligação da UFV); Natália Ferreira, coordenadora da Incubadora de Empresas de Base Tecnológica CenTev/UFV (IEBT) e Danielle Leonel, gerente de novos negócios da IEBT.

A abertura oficial da Conferência Anprotec de Empreendedorismo e Ambientes de Inovação aconteceu na noite de terça-feira (20) no Centro de Eventos do Pantanal. No entanto, as atividades da conferência tiveram início já no dia 19, segunda-feira. Entre os destaques da programação estiveram os workshops de parques tecnológicos e incubadoras de empresas, com os temas “O papel dos parques tecnológicos no desenvolvimento de cidades inteligentes” e “Incubadoras de empresas – modelos híbridos de apoio ao empreendedorismo inovador”, respectivamente

Já no primeiro dia da Conferência, segunda-feira (19), a coordenadora da IEBT CenTev, Natália Ferreira, juntamente com as gerentes de novos negócios  e de comunicação e marketing, Danielle Leonel e Laísse Nicácio, participou do 23º Workshop Anprotec – Incubadoras de Empresas, que discutiu modelos híbridos de apoio ao empreendedorismo inovador. Tais modelos incluem diferentes mecanismos e atores, tais como aceleradoras, espaços de coworking, plataformas de ensino à distância e fundos de investimento, entre outros. O workshop incluiu uma mesa-redonda sobre o tema “Novos modelos de desenvolvimento de negócios inovadores”, com a presença de três painelistas e coordenado pela gerente de gestão e redes de inovação da Natura, Luciana Hashiba. No período da tarde, o diretor-presidente do Porto Digital e diretor da Anprotec, Francisco Saboya, apresentou novos modelos de incubação e de aceleração de empreendimentos em países como Canadá e Coreia do Sul. Na sequência, o gestor da Incubadora Unitec, de São Leopoldo (RS), Carlos Aranha, e a coordenadora técnica do MIDI Tecnológico de Florianópolis (SC), Kamila Bitarello, apresentaram ações e projetos desenvolvidos em suas incubadoras para impulsionar novos negócios. Após o coffee-break, foram formados grupos de trabalhos com todos os participantes do workshop para a discussão de 11 temáticas relacionadas aos modelos híbridos de incubação. Essa atividade encerrou o 23º Workshop de Incubadoras de Empresas.

Ainda no primeiro dia do evento, o diretor executivo do CenTev, o prof. Sérgio de Paula e os gerentes Edson Eduardo e Flávia Carneiro participaram do “23º Workshop Anprotec: O papel dos parques tecnológicos no desenvolvimento de cidades inteligentes, coordenado  pelo vice-presidente da Anprotec e presidente da Divisão Latino Americana da IASP, Jorge Audy. A atividade incluiu a participação do presidente da Rede de Parques Científicos e Tecnológicos da Catalunha e vice-presidente da Associação Internacional de Parques Científicos e Áreas de Inovação (IASP), Josep Piqué, do diretor geral da IASP, Luis Sanz, e do diretor executivo do Parque Tecnológico da Universidade Federal do Rio de Janeiro, ex-presidente e conselheiro da Anprotec, Maurício Guedes. O workshop foi iniciado por Audy e Guedes com uma breve introdução ao tema do workshop. Na sequência, Sanz conduziu o painel “Parques tecnológicos e áreas de inovação: a visão da IASP e tendências mundiais. Na segunda parte do dia, Piqué conduziu o painel “Smart cities e sustentabilidade dos ambientes de inovação: a experiência da Espanha. O primeiro dia de workshop foi encerrado com apresentações de casos, moderadas pelo secretário-adjunto de Administração Sistêmica da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação de Mato Grosso (Seciteci), Elias de Andrade. Já no seu segundo dia o Workshop também contou com a participação de Laísse Nicácio e iniciou com a formação de grupos de trabalhos. Conduzidas por participantes líderes, as equipes se dividiram entre duas problemáticas: soluções para os desafios enfrentados pelas as áreas de inovação na contribuição efetiva para o desenvolvimento sustentável; e propostas de ações para que os parques tecnológicos aproveitem as oportunidades de promoção do desenvolvimento sustentável.

Flávia Carneiro também participou das atividades do programa ELAN (European and Latin American Business Services and Innovation Network) que teve início no dia 19 e aconteceu dentro da programação da 25ª Conferência Anprotec de Emprendedorismo e Ambientes de Inovação. Financiado pela União Europeia (UE), o ELAN busca ampliar e diversificar a presença econômica do bloco na América Latina. Durante toda a semana foram realizados workshops, discussões e reuniões, abordando temas relacionados a energias renováveis, tecnologias ambientais e tecnologias de informação e comunicação (TIC). Diversas atividades integraram o evento da Rede como workshops e minicursos.

Natália Ferreira e Danielle Leonell também participaram da 3ª edição do Fórum Sebrae de Inovação “Sustentabilidade e impacto social como alavancas para a prosperidade”, ocorrido no segundo dia de evento, e que contou com uma visita ao Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS) além de trazer exemplos de empresas que desenvolveram produtos ou adotaram práticas sustentáveis, gerando economia e ganhos sociais e ambientais. Durante a atividade, foi lançada a chamada para o Programa Aceleração e Incubação de Impacto, fruto de uma parceria entre Anprotec, Sebrae e o Instituto de Cidadania Empresarial (ICE).

No terceiro dia da 25ª Conferência Anprotec foram apresentados 29 artigos curtos, 41 artigos completos e 08 boas práticas, selecionados na Chamada de Trabalhos do evento. Dentre estes,  três dos trabalhos apresentados tiveram como autores a equipe da IEBT CenTev e foram apresentados por Natália Ferreira e Danielle Leonel foram eles: “Planejamento estratégico alinhado as diretrizes do Cerne como ferramenta de apoio ao desenvolvimento de EBTS”, "Modelo de maturidade: uma ferramenta para mensurar o desenvolvimento de empresas de base tecnológica vinculadas a incubadora do Centev/UFV" e “Modelagem de negócios potencializada pela educação empreendedora: O Programa de Pré-Incubação da Incubadora do CenTev” . Já o tecnoPARQ esteve representado nas categorias boas práticas com a publicação do trabalho intitulado “Escritório de Criatividade (EDC)” de autoria de Lucas Barbosa Poeiras Santos.

Os participantes do CenTev no evento também aproveitaram a oportunidade para atualizarem seus conhecimentos, participando dos diversos minicursos oferecidos como programação paralela durante a conferência.

As atividades da 25ª Conferência Anprotec de Ambientes de Empreendedorismo e Inovação foram encerradas com um jantar regado a muita música boa, animação e um gostinho de quero mais com o convite para a sua próxima edição, que já tem endereço certo, em Fortaleza, Ceará.

Informações detalhadas no site do evento.

Com informações de Anprotec.

 

Galeria de Imagens