ga(\'set\', \'userId\', {{USER_ID}}); // Defina o ID de usuário usando o user_id conectado.

Uma das etapas do desafio Ideas for Milk é realizada em Viçosa

Publicado em
Final local selecionou projeto que vai para a Final nacional em Brasília

Após as ideias inscritas no desafio Ideas for Milk passarem por uma avaliação interna, cinco projetos participaram na terça-feira (22) da final local em Viçosa, que aconteceu no Centro Tecnológico de Desenvolvimento Regional de Viçosa (CenTev/UFV) e selecionou o projeto “Magis Coleta” da startup Magistech Sistemas LTDA; como um dos finalistas para o desafio.

O Ideas for Milk é uma competição entre empreendedores com foco em soluções para aumentar a eficiência de um ou mais segmentos da cadeia produtiva do leite no Brasil. O objetivo desta competição é alavancar startups, reunir ideias, reunir investidores e demandas do mercado lácteo, buscando estimular a inovação e o empreendedorismo voltado ao agronegócio do leite, além de promover o uso aplicado de resultados de pesquisas agropecuárias.

As ideias inscritas participantes da final local em Viçosa foram:

  • Magistech Sistemas LTDA. – Apresentou sobre o “Magis Coleta”, um aplicativo para dispositivos móveis com sistema Android voltada para o setor de captação de leite, proporcionando às indústrias de laticínios automatizarem a captação, reduzindo custos, evitando fraudes e aumentando a confiabilidade no registro dos dados que passam a ser realizado diretamente pelo transportador in loco, diferentemente dos métodos utilizados atualmente pelas indústrias.
  • Agrovetline – falou sobre o projeto cujo título é “Mastclick, monitorando seu tratamento de mastite”. O Masticlick é um aplicativo feito para melhorar a eficiência no tratamento contra mastite no rebanho. Facilitando a tomada de decisão para a pergunta: “qual antibiótico usar?”, com Masticlick todo histórico de tratamento do animal poderá ser registrado e arquivado, podendo ser verificado a qualquer momento, com apenas um click.
  • Dzampier Equipamentos de Informática LTDA. – Com o projeto “Quadro magnético reprodutivo e software web com aplicativo móvel para controle zootécnico de bovinos”. O projeto refere-se ao desenvolvimento de um quadro magnético para gerenciamento reprodutivo de bovinos e software web com aplicativo móvel. Através do quadro, os produtores realizarão de forma simples o controle zootécnico do rebanho. O software e o aplicativo realizaram a simulação do Quadro Magnético Reprodutivo, gerando informações de qualidade.
  • Equipe Agrotec – Apresentou o Projeto “Controleite”, um sistema que reúne informações práticas relacionadas à qualidade do leite através de sensores acoplados à mangueira de captação dos caminhões transportadores. Permitindo tanto ao produtor quanto ao laticínio acompanharem a qualidade do produto em tempo real, no momento de sua retirada na fazenda.
  • Laboratório de Engenharia de Sistemas de Computação (LESC) - Campus UFV Florestal – Apresentou sobre o “Cloud of Milk” que consiste no monitoramento do bovino (movimentação, temperatura e ruminação); ordenhadeira (fluxo/quantidade de leite e mastite sub-clínica) e tanque de armazenamento (PH, temperatura e nível) com armazenamento dos dados na nuvem para futuras análises e geração de relatórios/alertas sobre a saúde do animal e a qualidade do leite.

As cinco startups apresentaram os projetos para a banca avaliadora, composta pelo Diretor Executivo do CenTev, Prof. Sérgio Oliveira de Paula; pela Coordenadora da Incubadora de Empresas de Base Tecnológica (IEBT/CenTev), Natália Ferreira; pelos representantes da Embrapa, Vanessa Pereira e Cláudio Paiva; pelo representante da Sindileite - MG, Guglielmo Agostini, pelo Professor do Departamento de Veterinária da UFV, Luis Augusto Nero e pelo Prof. Do Departamento de informática da UFV, Mauro Nascif Rocha.

A banca avaliou as apresentações e, como previsto aprovou uma das cinco startups para participar da final nacional, que ocorrerá em Brasília, dia 13 de dezembro. O projeto aprovado foi o “Magis Coleta” da equipe Magistech Sistemas LTDA.

Até o momento, as finais locais já aconteceram em Belo Horizonte, Juiz de Fora, Viçosa, Lavras, São Carlos, Porto Alegre, Campinas e a última acontecerá ainda esta semana em Piracicaba.

Dentre outros benefícios, a startup vencedora terá a oportunidade de ingressar no agronegócio, setor econômico considerado crescente no Brasil; potencializar a chance de alavancar um negócio lucrativo; ter a proposta apresentada aos principais investidores da área de TIC’s do país; além de contar com o auxílio da Embrapa para detectar resultados de pesquisas que podem ser transformados em ideias inovadoras para startups lucrativas, capazes de gerar impactos de eficiência na cadeia agroindustrial do leite.

Para mais informações sobre o desafio, acesse a Fanpage no Facebook e o site www.ideasformilk.com.br .

Galeria de Imagens